Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo democracia em vertigem

Mariana Serafini: Superar a vertigem antes que a democracia acabe

“Hay que endurecerse, pero sin perder la ternura jamás.” A frase de Che Guevara chega em 2019 como um verdadeiro desafio. Afinal, no Brasil de Bolsonaro, que vai de 39 kg de cocaína num avião presidencial à venda de bijuteria de nióbio no G20 em um piscar de olhos, parece impossível não se embrutecer. Por isso, é impressionante que Petra Costa tenha feito de Democracia em Vertigem um dos mais potentes registros deste caos em que o País foi lançado, sem perder a leveza.

Por Mariana Serafini

Em março deste ano, o mundo da sétima arte perdeu uma de suas maiores entusiastas. Atrás das câmeras, Agnés Varda se consolidou na Nouvelle Vague francesa com sua obra feminina e feminista e abriu caminho para as mulheres que vieram depois. Na esteira das homenagens à diretora belga, Petra Costa confessou que quando descobriu o cinema de Agnés sentiu que encontrava ali inspiração para o tipo de obra que sonhava em fazer.

Elena é o primeiro filme de Petra. O Brasil era outro quando ele foi lançado, e…