Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Fundo previdenciário

Prefeito de Itaúna do Sul emite Nota de esclarecimento em rede social

"Venho neste momento perante os moradores Itaunenses esclarecer que em relação as matérias vinculadas pela Imprensa Local, em face dos questionamentos do Ministério Público de Nova Londrina, sobre a ausência de repasses ao Fundo Previdenciário de Itaúna do Sul – FUNPREMISUL, informamos que como é de conhecimento de todos, que a administração anterior não realizou os repasses devidos ao Fundo, como também, não realizou o pagamento dos parcelamentos assumidos, o que, gerou a condenação do Ex-Prefeito de Itaúna do Sul.

Assumimos então esse passivo, quando iniciamos nosso trabalho, frente ao nosso querido Município, como também é de conhecimento de todos, os municípios de pequeno porte, como é o nosso, vivem quase que exclusivamente dos repasses do Fundo de Participação dos Municípios – FPM, repasses esses que vêm se diminuindo a cada ano, agravando a dificuldade financeira dos pequenos municípios, inclusive o de Itaúna do Sul.

Diante disso, em face da dívida junto ao Fundo herdada …

MINISTÉRIO PÚBLICO APURA EVENTUAL FALTA DE REPASSE AO FUNDO PREVIDENCIÁRIO DE ITAÚNA DO SUL

O Ministério Público, por meio da Promotoria de Justiça de Nova Londrina, instaurou na data de hoje (09/07/2019), procedimento  visando apurar a eventual falta de repasses pelo atual Chefe do Executivo Municipal de Itaúna do Sul ao Fundo Previdenciário FUNPREMISUL.

Na oportunidade, o Ministério Público solicitou ao Município de Itaúna do Sul a comprovação, no prazo de 05 (cinco) dias, de todos os repasses devidos ao Fundo Previdenciário, a contar do dia 01 de janeiro de 2017, sob pena de adoção das medidas judiciais cabíveis.

Acerca da ausência de repasses ao Fundo Previdenciário, o Ministério Público já havia ajuizado Ação Civil Pública em face do Ex-Prefeito de Itaúna do Sul, cuja sentença foi prolatada na data de ontem (08/07/2019), condenando-o,  em primeiro grau,  à pena de suspensão dos direitos políticos pelo período de 5 (cinco) anos e ao ressarcimento dos danos causados ao Erário do Itaúna do Sul/PR referente aos repasses não feitos e parcelamentos não pagos no importe de R$…